quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Ficam as recordaçoes doces que agora são amargas;
Com elas vão embora minhas lágrimas das quais nunca mais lembrarei...
Contudo anseio para que essas palavras que digo motivadas pelo choque
durem o tempo suficiente para que um dia eu possa olhar para o céu e dizer... acabou.
Osmar Mendes
Comentários
0 Comentários

0 Opiniões:

Postar um comentário